Travessia


 Dizem que tudo na vida é passageiro, nada é para sempre, tudo muda, tudo se transforma uma hora ou outra. Visto e vivenciado isso, temos a impressão que é só esperar que as coisas vão se concertar, bem gostaria que fosse assim, mas é óbvio que não é.
 O que mais significa nesta tal mencionada passagem, entre uma cena e outra da nossa vida, é a travessia. Como você atravessa essa maldita passagem é o que vai transmutar da sua vida lixo em luxo, do seu mal humor para a sua felicidade plena, do mais ou menos para o quase perfeito.


 A inércia é algo estraçalhador, por isso atravesse!

 Não importa quantos passos você deve dar na direção à frente ou contrária. Aqui o que importa não é o sentido, mas a forma que se segue. O sentido ou caminho é outro vetor, não misture as coisas. Pode ser que dependendo da projeção do caminho almejado possa ser que você dê passos mais apressados já que a proposta da recompensa é muito atrativa. Mas há casos que o lamaçal se faz em terreno floridos e ficamos lá por eras, empacado sem saber motivo, razão ou circunstância.
 Para os mais preparados quando se vê a possibilidade de atravessar um passagem, viela, terreno baldio, eles se prepararam psicologicamente, emocionalmente e economicamente, resultando em acessórios especiais de travessia. Analogicamente falando, é como se você fosse atravessar uma montanha e tivesse três opções de escolha: Havainas, Melissa e Timberland. Ora, se você pode escolher com antecedência e tem toda uma preparação, é mais que claro que atravessaremos a situação pedregosa com os Timberlands, porém quando se tá na lama e já exausto mas temos que seguir em frente, até descalço está valendo.
 Sempre olhe por onde anda, sempre olhe tudo ao redor. Um dia podemos voltar aquele lugar por um acaso, ou sermos forçados ao retorno e é sempre bom está familiarizado com algumas situações, quem sabe assim, poderemos saber o que calçar para atravessar seja um rua, seja uma ponte, seja um caminho em brasas.


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Faça amor nu.

Faça Amor, Não Faça A Barba!

Eu fui à praia sozinho.