Blink



       Em um piscar de olhos tudo acontece, inclusive o impossível. Melhor dizendo, não seria impossível, mas sim uma subjetiva possibilidade remota da invariável e quantitativa realidade alterada e fugas. Pode até nunca acontecer fisicamente, mas em um mundo de infinitas possibilidades, já aconteceu. Isso sem precisar de muito esforço, bastando apenas fluir o 8º Sentido, a imaginação.
       Tornando-se real qualquer forma de interação sensorial e emocional, em um simples piscar d'olhos o real se aprofunda em um mundo de incríveis façanhas e extensionistas objetos. Apreciando esse momento com soberba apenas será uma visão conturbada de um pensamento qualquer, tolo este que não remete o instante sem fim para a alusão de uma ideia importante, teorema decifrável da incógnita que se per faz no subconsciente. 
       Não desperdice uma epifania com ideias conjecturadas em concreto pensamento habitual de vivência supérflua. Arrisque, ouse, abuse da distração. O acaso pode surgir do nada, e pode passar pelo mesmo se você não atentar por ele. Não banque o bobo ao rir de idéias que não te convém, o que pode ser impossível para você, pode se tornar real para outrem e vice-versa, tudo é uma questão de perspectiva, e cai entre nós que a minha perspectiva é bem mais divertida que a sua.
       Seguro? Talvez nem tanto, mas o melhor desta abstração é justamente o surreal que acontece, tal como um sonho onde você não tem controle sobre a forma, tempo e paisagem, apenas segue um roteiro pré estabelecido por Deus-lá-sabe-quem e o sonho apenas acontece. E o motivo real disso tudo é que eu tive uma imersão no surreal, a película da realidade novamente se rompeu ao passar da faca sutil da introspectividade, o que resultou na ideia mais impossível de todas, a felicidade.
      Pode até não fazer sentido, mas para uma mente criativa qualquer palavra é um mundo totalmente novo, e esta, me fez crer em um universo bem interessante. Em breve, ocorrerá algumas modificações e quem sabe você não fará parte disto? Possibilidades... Vivemos em um mundo cheio delas.



Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Faça amor nu.

Faça Amor, Não Faça A Barba!

Eu fui à praia sozinho.