Invisíveis


Sinopse:
Quando Rose se casou com o atraente Ivo Janko, integrante de uma família de ciganos nômades, muitos se perguntavam o que os dois tinham em comum. Rose é quieta e tímida. Ivo é taciturno, porém carismático. Depois que ela desapareceu, boatos diziam que ela fugira por causa de um filho que nasceu com o problema genético da família. Mas o pai de Rose, Leon, não tem tanta certeza disso. Ele quer saber a verdade e contrata um detetive particular para descobri-la. É aí que entra Ray Lovell, um detetive, que embora pouco renomado, tem a vantagem de ser descendente de ciganos. Lovell concorda em pegar o caso. No entanto, sete anos após o desaparecimento de Rose, ele teme que tenha se passado tempo demais. Além disso, sua investigação é dificultada pelas únicas pessoas que poderiam ajudá-lo: a família Janko. Trata-se de um clã fechado, e a última coisa que desejam é um estranho se metendo em seus assuntos particulares. Ray não consegue entender a relutância deles em ajudar. Qual é o motivo de não quererem que Rose Janko seja encontrada? 


Até 100:
A) Opinião sobre a história?
Sinceramente eu nunca li nada sobre ciganos em específico, o que me atraiu a atenção é que não fala sobre clichês de danças ciganas ou rituais. O foco é a tradição da cultura cigana, sua discrição, sua lealdade familiar. A história se passa nas memórias de Ray enquanto ele se recupera de um envenenamento, esse "aviso" o deixou em coma, depois paralítico e por aí vai. E tudo o que ele quer é saber o Porquê. As memórias seguem, por um lado temos o Ray Lovell indo em busca das informações com todos os possíveis envolvidos ou presentes no ultimo aparecimento de Rose, por outro temos a família Janko que procura uma cura para o filho de Ivo, e nenhum deles sabem o paradeiro da moça. Pelo menos até agora não.
B) Opinião sobre os personagens?
Por se tratar de um conto policial, não há abordagem clara das coisas, algo minucioso ou descritivo demais. Por um lado um cara comum em busca de respostas, por outro uma família cigana narrada pelo adolescente JJ. É de se apergar ao JJ tal qual Lovell e ter carisma pelo temperamento e habilidade em atravessar as situações.
C) Qual o ponto entre a posição atual e a sinopse?
Lovell acabara de encontrar os Janko, e por algum motivo não querem que Ivo Janko, marido de Rose, converse com o detetive.
D) Frase mais interessante até agora?
Mas acabamos ficando juntos, pois é isso que se faz quando se encontra uma pessoa que faz com que tudo ganhe sentido; que sabe o que está pensando antes de você dizer; cujas frases você pode concluir e ela nem se importar.
E) Qual a ultima frase da página 100?
-Já não o vejo há uns... três anos mais ou menos.
F) Pretende continuar a ler?
Sim, agora que as coisas começam fazer algum sentido. Quando temos os Janko e Lovell, cara-acara.
G) O que esperar do restante do livro?
Eu mentiria se quisesse a Rose viva ou aparecida do nada, o que eu espero mesmo é ver o JJ tendo um fim legal, ele sofre demais com a família. Fora que Lovell ainda não está recuperado, será mesmo que a memória dele é verdadeira?
H) Indicaria esse livro?
Sim,  mas não para qualquer pessoa. O ritmo do livro é dinâmico pelos diálogos sem pausa, mas é do tipo de ser indicado para alguém que goste de criar expectativas, de querer realmente chegar no fim, pois aqui não parece nada clichê.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Faça amor nu.

Faça Amor, Não Faça A Barba!

Quando bate aquela saudade.