Top List


     Todo fim de ano é a mesma coisa, cheio de felicidade e falsos dizeres. Tão falso quanto as metas traçadas para o novo ano, quem lá realmente cumpre as metas que promete? Mal conseguem lembrar em Setembro o que queriam em Março! Enfim, estou naquele momento da vida que a inercia é forte e a vontade mais ainda, e no fim de tudo resta esperar o esforço acertar a roda da fortuna, ou apenas uma coisa melhor do que o agora.
     Minhas metas desde 2007 foram completar as metas feitas para 2007. Parece idiotice, mas seria tão prático e simples toda vez que virasse o ano eu simplesmente olhasse em volta e caso tenha feito algo significante ou não, apenas desse de ombros ao ano que passara. Ora, se quero mesmo pragmatizar um ciclo, de todo os aspectos terei que respeitar o ritual adjunto. E isso para mim não é abandonar os falidos planejamentos, muito pelo contrário.
    Por isso prefiro o Lustro, tempo suficientemente curto e longo de mesmo modo. Planeja-se cursos, viagens, trabalhos, mudanças de vida em sentido genérico e, pouco-a-pouco modelam-se aos ditos costumeiros anos que passam. E nesse contento, faltam-me apenas três metas de 2007 que pretendo concluir neste ano. E espero começar logo as metas de 2008, elas são bem divertidas e sagazes.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Faça amor nu.

Faça Amor, Não Faça A Barba!

Eu fui à praia sozinho.