Postagens

Mostrando postagens de Janeiro, 2013

Lexicon an Integrum.

Imagem
"Errar é humano."
     Sim, errar é humano. Insistir no erro, desculpar-se, fingir que não errou, colocar a culpar noutro, rir dos erros do passado, prometer não errar mais, também... Tudo isso é humano.
     No foco genérico da língua, comunicar-se é transmitir uma mensagem e o agente receptor conseguir entender tal mensagem. Até então tudo bem, porém exite um fator que priorizamos cada vez mais, a língua culta. Não necessariamente a extravagante como "explicar-vos-ei", mas de uma forma polidamente informal.      Não sou nenhum Aurélio, entretanto considero um ponto positivo quem usa o léxico de boa forma, ou que sonoriza muito bem. Uma boa expressão linguística enfatiza ou acalma qualquer dizer, dando assim uma firmeza ao vernáculo utilizado.       Quanto mais objetivo, mais simples e contundente você é na vida informal, mais bem-quisto será dentre o círculo social. Existe o momento da linguagem técnica e dos outros o coloquialismo, por isso não se precisa falar pom…

Desço

Imagem
Passo o ano inteiro lidando com mascarados e justo no carnaval as pessoas priorizam tais vestimentas. Talvez seja por isso que o povo se libera mais, em meros dias de popular folia, se permitem de diversas formas possíveis e inimagináveis. É o carnaval. Época no qual a maioria da população quer apenas curtir bons momentos de música, amigos, familiares e alegria.      Já tive um carnaval em minha vida e aproveitei tudo que uma boa história de carnaval pode oferecer. Porém, isso não me atrai. Não é do meu feitio ignorar tudo e fingir que nada acontece, que a vida não é sofrida e o trabalho é árduo, não consigo ser como todos. Não consigo vestir uma máscara de aventurança e deixar a solidão de lado, como se ela não fosse minha melhor companhia, como se eu fosse a melhor pessoa do mundo para se ter ao lado.      Ser cético tem os seus dilemas, suas próprias convicções que detêm o corpo. Para mim o sexo não é coisa popular, e justo o Carnaval que é consumo de 7 pecados capitais, cada um na s…

3 Strikes

Imagem
"É mágoa! E o que eu choro é água com sal."
      Dar-te-ei três tentativas. Caso não consolide a solução da lide, sinto dizer em desprazer o meu adeus.
Desculpar-se é muito mais do que uma cordialidade de arrependimento, é ato bilateral de compreensão, covardia e orgulho, vorazes momentos de angústias. Abaixar o ego em sacrifício de uma relação, às vezes, é o melhor a se fazer.      São três strikes. O primeiro, e quase sempre mal sucedido, é no automatismo. Quando a gente quase nem sabe o que fez, mas de algum modo fez, vamos com calma e nos desculpamos. Mas o outro, ainda em prantos ou fúria, por simples egoísmo do ego ou cabeça-dura não aceita dar o perdão. Deve ser a dor que ainda lateja em alma, deve ser a confusão de situações e explicações que povoam sua mente combalida. Recebemos o não e tentamos outros "sim", insistimos, mas de nada adiantará e se sim, não será de total verdade. As tentativas seguidas em insistência são fuzilamentos que apenas complicam mai…

Lie

Imagem
Ainda não entendi o termo fofocar. Qual é a real motivação da dissimulação em informações sobre pessoas e coisas? Seria uma arte ou um mero prazer? Acho que nunca entenderei e continuarei suprimindo esse verbo da minha vida. Ele é destrutivo e maldoso.      Não sou do tipo iconoclasta, por isso atento a indulgência, e nela me seguro com todas as forças para não ser hostil. E mesmo assim, de tempos em tempos, sou testado das piores maneias, mas isso não me dói, apenas sutilmente me corrói em busca do "porquê". Sim, a busca da motivação externa muito me encuca. Daí sobram-me duas opções: a primeira é a mais complicada, a da prova. Tendo que comprovar que o que falam é mentira, provar que não sou ou que sou aquilo do contrário. A segunda é a mas comum, a de não se importar e deixar ir, afinal pergunto por que a comprovação de fatos ou atos deve ser tão importante?      Para os que me conhecem, sabem meu temperamento e possíveis feitos. Vivemos em um mundo de possibilidades e os h…

Comumente É Assim

Imagem
Cada um ao nascer  traz sua dose de amor,  mas os empregos,  o dinheiro,  tudo isso,  nos resseca o solo do coração.  Sobre o coração levamos o corpo,  sobre o corpo a camisa,  mas isto é pouco.  Alguém  imbecilmente  inventou os punhos  e sobre os peitos  fez correr o amido de engomar. Quando velhos se arrependem.  A mulher se pinta.  O homem faz ginástica  pelo sistema Muller.  Mas é tarde.  A pele enche-se de rugas.  O amor floresce,  floresce,  e depois desfolha.
(Vladimir Maiakóvski)

Sem Poeira

Imagem
O tempo passa, a gente se diverte, cresce, esquece, adormece, acorda e vive. O dia acelera os passos que tocam o solo, ilumina o caminho almejado, brisa a vida, vento canta, alegria, sim alegria. De tempos em tempos assombro meu ego em advérbio de tempo, brinco com as palavras de forma meio assim, meio lá, inteiro faço por fazer, assim meio sem querer. Sentido? Não busco sentido, talvez rima, uma prosa, gargalhadas bem gostosas, como num canto no chuveiro, um belisco faceiro em que se gosta.      Ler não é hobby, é pura paixão. Me traem, me amam, me odeiam, mas estão ali. Cada exemplar um universo diferente, pessoas que nunca conheci, personagens que são tão Eu. Auto-ajuda, ficção, crônica, receitas... Conjunto de palavras que lançam ideia, descrevem, vivem em minha mente. Contadas em páginas, capítulos, tomos, livros. Tantos livros.      Abro uma sessão para não fechar o coração. Cada postagem uma indicação, um comentário, uma pesquisa. Sim, sobre livros. Não de estudos, não quero teo…

Prioridade

Imagem
Não importa o esforço, faça o que tiver que fazer para conseguir seu objetivo. A chamada lista de prioridades serve para um norte observado, um guia no qual, seguindo este, podemos adentrar as rodovias das opções, mas não nos perderemos do caminho principal. Para ser específico ao ponto do êxito, pontue em linhas de ideias, coisas, pessoas.      Nesse raciocínio postamos ao topo nossos sonhos e atributos no qual vislumbramos por mais longe que o seja, seguindo das coisas materiais ou não, os bens propriamente ditos para nossa felicidade ou manutenção, e em terceiro e quase não importante, as pessoas em sentido genérico. Pai e Mãe ou família similar não entra na lista, a não ser que você tenha uma história bem impactante, fora isso eles ficam em setor especial.      Tenta fazer isso em um plano de 1, 3 e 5 anos. E veja o que de máximo você consegue fazer para cada ponto, seguindo a ordem correta de feitos, burlar o sistema é fácil, mas é um sofrimento desnecessário. Bem como inverter a o…

Stethophyma grossum

Imagem
Você cria, esquematiza, testa, qualifica, testa outra vez, organiza os resultados e conclui seu método. Seu material está pronto. Você divulga, explica, cita, mas não o vive. Do que adianta a teoria se não houver prática? Por mera repetição de métodos não corroborará numa construção plausível e/ou específica dos fatos concretos.      A dor advém da mente, escorre pelo corpo e lateja em diferentes formas. Mas não existe pior dor que aquela que nunca aconteceu, a saudade de algo que nunca existiu, a destruição maciça de simples vislumbre em expectativas. Expectativa gera frustração. A indiferença tomará conta da culpabilidade revestida de acaso, karma, destino e outras formas diversas de controle Maior.       Então como pregador de uma teoria, não seria mais que justo aplicá-la ao meu dia-a-dia, afinal é na observação própria, do empírico, que subtraio minhas conclusões após todos os métodos de análise. Visto isso, pergunto-te: Por que ficar triste com a indiferença de alguém que, de…

Lady and the Tramp

Imagem
Fico embasbacado com a quantidade de ensinamentos que podemos tirar de simples coisas. Em um outro momento triste de minha vida, catei um clássico bem antigo dos estúdios Disney. A dama e o vagabundo. De fato histórias com animais não me atraem, porém eu estava sem nenhuma motivação para ir em busca do meu Tarzan, daí sucumbi aos encantos caninos e viajei sozinho em introspecto.
     A busca por uma companhia vai diretamente aos nossos conceitos de tolerância e afinidade. Seja ele em termos sociais, laborais e/ou hobbies. Buscamos compartilhar nossos gostos e feitos com pessoas que nos fazem sentir-se acolhidos, e é nesta reciprocidade que o vínculo cresce e estendesse para algo mais sério, algo mais fiel e construtivo, mesmo que fixe em uma amizade. Os contra-pontos são moldados e correlacionamos às pessoas, nossos determinados domínios de interesses, como se selecionássemos as pessoas como Conhecidos, Colegas, Amigos e Melhores Amigos pelo grau de afetividade e divisão comum de inte…

Frontal

Imagem
Se é para ser objetivo com pitadas de recalque, então serei. Consideração é a palavra chave para qualquer embasamento comportamental em derivação genérica, sem proporção qualitativa do ser passivo. É a consideração que faz você ligar para alguém avisando que chegou bem, de responder uma mensagem de saudação, de ir até a casa da pessoa desejar-lhes melhoras, chamar para sair, ignorar comentários maldosos, protege-las de estranhos, empurrá-las para paqueras em potencial... É a consideração pela outra pessoa que atiça o Dolo (Vontade de agir do agente ativo).      E entendendo assim, a consideração é imutável, ela não só existe para as pessoas que gostamos, ela é característica do sentido Humanidade. Bem como a piedade, a consideração nasce com a pessoa e desenvolve-se com as relações interpessoais. E é dela que brotam todos os outros sentimentos correlacionados como amizade, amor, gratidão, carinho, raiva, ódio, vontade infinita que a pessoa morra de formas variadas e dolorosas. En…

It's Fireman, Bitch!

Imagem
Vai dizer que não sou bem-vindo? Mas é óbvio que sou!      Sei bem que você sente a minha falta por mais psicotrópicos que tentam me deter, porém de um jeito ou de outro estarei sempre por aqui. Divagar, de vagar, vagar. Na espreita do momento certo para um entrada triunfal, mas não se engane, não sou tão orgulhoso quanto meu poderio demonstra. Só quero ver o bem de todos... e unicamente o meu.      Fico feliz em saber que deixei de ser Id para ser um complexo próprio, uma outra pessoa na verdade. Isso me dá toda a liberdade de ser e fazer o que Eu quiser, tal como qualquer outro, isto é importante porque o mérito é meu. Não é uma desculpa, uma fuga, são ações muito bem planejadas e espontâneas que advém da minha personalidade, muito diferente do meu Receptáculo.       Outro lado bom é que fica mais fácil ter acesso ao externo, não preciso espreitar por entre a realidade para falar nada, fazer nada. Agora temos nossos espaços delimitados, tá bom eu tenho que concordar que aquele nos…

Hey Lady!

Imagem
Do mesmo modo que recebo bem a tristeza espontânea, recebo melhor ainda a alegria, e foi bem isso que me ocorreu hoje. Depois de uns dias tristes pelo andar da vida, me peguei sorrindo do nada, acredito que seja a resignação fazendo efeito. Não leia-me de forma errônea, quando falo em tristeza é aquele momento ao qual acontece algo que entristece seu olhar, podendo a situação ser bem simples ou bem complexa, mas de nenhum modo ela acaba com meu dia ou meus outros pensamentos, mas convivo e dou a valoração decente para ela, até ela passar.       A alegria jorra do mesmo jeito. O que também não quer dizer que não possa ficar cabisbaixo com a vida. Em verdade suspeite sempre de quem é a todo tempo muito feliz ou muito triste, esse firmar de sentimento é mentiroso e pode advir de situações intrínsecas  causando desconforto para quem está ao redor. Aproveite todos os sentimentos e suas sensações, isso é viver e muitas vezes passa despercebido.       Você sabia que grandes artistas apen…

Estilo ou Disfarce?

Imagem
Desde que adentramos no mundo da moda, queremos sempre o que tem de mais aceitável para a sociedade comum, para a tribo que participamos ou para dar alegria aos parentes próximos. Porém, nosso estilo apenas se consolida depois dos vinte e poucos anos, porque só depois da identidade laboral é que realmente fixamos nosso estilo de vestimentas.       Fora os padrões qualificativos, onde subjugam nossos méritos e intitulam nossa leve personalidade, nossos costumes, aspirações e hobbies. As roupas servem, além de vestir bem, para representar nosso eu ao mundo. Por isso, é tão importante manter a tradição em determinados momentos, como casamentos, formaturas, festas havainas, ou pijamas.       O que tem por cima do corpo, envoltório de panos e design não representa caráter ou situação moral. Muitos dos nossos anos é dedicado ao mundo da moda sem nossa percepção, e é justamente aí que começamos a valorar algumas coisas. Roupas de marca, roupas de ficar em casa, roupas de doação... Roupa…

Top List

Imagem
Todo fim de ano é a mesma coisa, cheio de felicidade e falsos dizeres. Tão falso quanto as metas traçadas para o novo ano, quem lá realmente cumpre as metas que promete? Mal conseguem lembrar em Setembro o que queriam em Março! Enfim, estou naquele momento da vida que a inercia é forte e a vontade mais ainda, e no fim de tudo resta esperar o esforço acertar a roda da fortuna, ou apenas uma coisa melhor do que o agora.      Minhas metas desde 2007 foram completar as metas feitas para 2007. Parece idiotice, mas seria tão prático e simples toda vez que virasse o ano eu simplesmente olhasse em volta e caso tenha feito algo significante ou não, apenas desse de ombros ao ano que passara. Ora, se quero mesmo pragmatizar um ciclo, de todo os aspectos terei que respeitar o ritual adjunto. E isso para mim não é abandonar os falidos planejamentos, muito pelo contrário.     Por isso prefiro o Lustro, tempo suficientemente curto e longo de mesmo modo. Planeja-se cursos, viagens, trabalhos, mudanças…

Borboletas

Imagem
Quando depositamos muita confiança ou expectativas em uma pessoa, o risco de se decepcionar é grande. As pessoas não estão neste mundo para satisfazer as nossas expectativas, assim como não estamos aqui, para satisfazer as dela. Temos que nos bastar... nos bastar sempre e quando procuramos estar com alguém, temos que nos conscientizar de que estamos juntos porque gostamos, porque queremos e nos sentimos bem, nunca por precisar de alguém. As pessoas não se precisam, elas se completam... não por serem metades, mas por serem inteiras, dispostas a dividir objetivos comuns, alegrias e vida. Com o tempo, você vai percebendo que para ser feliz com a outra pessoa, você precisa em primeiro lugar, não precisar dela. Percebe também que aquela pessoa que você ama (ou acha que ama) e que não quer nada com você, definitivamente, não é o homem ou a mulher de sua vida. Você aprende a gostar de você, a cuidar de você, e principalmente a gostar de quem gosta de você. 
O segredo é não cuidar das borbole…

Fatura

Imagem
É quando eu recebo as contas que percebo o quanto eu gasto. Ao ver todas as faturas de utilização da vida, pego-me em próprio descontento e dores de cabeça, tenho sempre que sentar e calcular tudo, todo mês, religiosamente, é assim. São números, ações, pessoas, sentimento e reações.      São tantos pontos e traços que no fim sobram apenas borrões e promessas. E continuamente a atenção aos gasto desnecessários para o próximo mês é o que mais significa, pois se nos cálculos de agora já estou no vermelho, quiçá o vindouro?      Esse processo de contas facilita nos cortes e investimentos. Por exemplo:
Esse mês eu gastei por duas vezes em presentes em datas diferentes, isso me somou 60 pontos positivos, 30 sendo um presente de aniversário para alguém que acabara de conhecer e mais 30 de um presente de natal. Porém, no mesmo quesito presentear eu tive um prejuízo bem alarmante, pois além de não receber nada em tempo algum o que já subtrai 30 pontos, não tive também o presente de natal (menos 3…

Faça Amor, Não Faça A Barba!

Imagem
Podemos usar óculos, brincos, suspensórios, diversos cortes de cabelos, longos, curtos, sem cabelo, tatuagens, xadrez ou listras, de tantos instrumentos de aparência, nada se compara ao uso da barba. Vamos concordar que nem todos os homens do mundo combina com o uso da barba, pois esta é de exclusiva autenticidade. O que isso quer dizer? Significa que não é só deixar os pelos do rosto crescerem descontroladamente por suporte da preguiça, há em torno do "deixar a barba crescer" um certo ritual que culmina em desenvolver de personalidade característica.      Em pesquisas casuais para o tema, percebi que o uso da barba advém de um fator primordial. Atitude. O homem que veste barba não ocasional, ele possui mais atitude que os outros, o que não corrobora com atos inconsequentes, mas sim com determinação. O barbudo pode até nunca utilizar de seu ímpeto, pode ser agente passivo de brigas e discussões, porém a todo momento ele possui um "Dom" de persuadir com firmeza e pro…

Tardio

Imagem
Bom dia.      Não importa qual hora seja agora, desejo-te um Bom Dia. Isso mesmo, um vibrante e saudoso Bom Dia. Ter um ótimo dia independe se é claro ou escuro, se há sol ou lua no céu, um bom dia é aquele dia que você lembra na hora, exactamente na hora que alguém diz "Bom Dia" e sua memória escala todas as positividades, sua fé emana aura escarlate, um sorriso abre de troco e você responde sem hesitar. E é nesta cortesia que também desejo-te um Feliz Ano Novo.      De tantos acontecimentos bons e ruins, bem ruins por sinal, acabei deixando na esquina das obrigações o meu espaço preferido, o único local onde sou verdadeiramente eu sem ninguém para colocar o dedo em riste. E como primeira postagem deste novo ano, que pra mim não significa nada demais, deixo apenas uma escrita muito bela e conterrânea. 
     "Deve-se escrever das mesmas maneiras como as lavadeiras lá de Alagoas fazem o seu ofício. Elas começam com a primeira lavada, molham a roupa suja na beira da lag…