The Floor


      Meu alter ego me fez cair e no chão, permaneci acreditando piamente que era o certo a se fazer. Foi o melhor para todos, mas a mágoa corrói uniformemente este sentimento que hoje não vejo em teus olhos, que o tempo fez esquecer e que apenas a mim sobrou recordação. Não olhe para o passado, pois o passado você já conhece bem. Foque no futuro, o brilhante futuro que te aguarda. Nada é coincidência, tudo nos faz crescer. 

      Vejo um adulto se formando e conseguindo projetar várias coisas, tipo várias... E isso me alegra, pois com as ferramentas certas e instrução, você pode chegar onde quiser, onde teu coração guiar, e todo horizonte conquistado será um esplendor em teus olhos. Eu poderia mostrar todas as evidências de que um recomeço é possível, não seríamos os mesmo, seriamos adultos abordando a fase maciça de uma relação, de uma construção desvinculada de qualquer parte sinistra dos nossos seres, dando suporte um ao outro em compensamento mútuo.

      Hoje, tenho convicção que o mundo roda, e que um dia precisei de pessoas e palavras que me recusei ao ouvir meu próprio ser, e por rodar e rodar, me deparei com o inesperado, com pessoas ao meu redor que estavam ali o tempo todo e eu nunca tinha visto, algumas até que eu ensinei a crescer e que me deram um sorriso, uma canção, um juntar de mãos e um suporte intangível de coração puro. Vai ver crescer é isso, é reconhecer, conhecer e se desfazer dos monstros em que nós habitam, pode demorar um pouco ou muito, em uma hora certa ou errada, mas quando tem que acontecer, acontece!

      Os planos de hoje estão aqui, traçados em papel delineado de paixão, acreditando que tudo vai ficar bem. Não perdendo a esperança jamais em uma felicidade que existe em mim, estou ainda no chão, me levantando vagarosamente para ter todo o potencial de chegar ao meu caminho. Estudando e trabalhando para que minha vida boa e aconchegante surja com o suor do esforço e o sorriso do amor. Qual amor você pergunta? Esse que cresceu em mim, esse que eu estou pronto pra compartilhar no momento certo e com a pessoa certa. Se não der certo, fazer o quê? Chore, enraiveça, mas cresça, estamos aí para quebrar a cara várias e várias vezes, e vamos amando e sendo amados, não importa o título, mas todo o teu sentimento.

       Espero que um dia eu saiba quanto amor caiba em teu olhar, este opaco olhar que exala frieza. E continuarei dançando nesta pista de dança, esta que eu cai e agora volto a reerguer, espero que toque uma música boa, pois estarei a todo vapor.






Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Faça amor nu.

Faça Amor, Não Faça A Barba!

Eu fui à praia sozinho.