Jornada


 O caminho é difícil, há buracos, rotas alternativas, perigos constantes, trapaceiros, e milhões de outros obstáculos que nos fazem não querer continuar, mas calma. Caminhar pela trilha de tijolos amarelos é condição inegociável com o cosmos.
 Temos sempre o objetivo maior a ser alcançado, almejar nossa melhora não é de tão longe o mais impossível, é de tão perto o mais fatídico de se acontecer, já que nós sempre queremos o melhor para si. Certo que às vezes demora um pouco para se chegar em um determinado ponto do caminho onde haverá ponto de descanso, algum amigo para nos acompanhar, o amor de nossas vidas ou familiares. Mas tenha em mente que o caminho a se percorrer é de total individual proposta.
 Não seja tão desesperançoso assim, passar um tempo longe, mudar de cidade, acabar noivado, mudar cor do cabelo. Todo o tipo de alteração é circunstancial, isso mesmo, pois nada que aconteça fará você desistir de caminhar para frente. Em vez de se relutar em questionamentos da culpa do outro, repara na condição, esta na qual você está. 
 Observe sempre o seu objetivo, estude o rumo que será mantido para o alcance deste triunfo, faça cálculos de quanto e quando, para que sempre possa ter um Plano B, caso algo dê errado. Mas repare na condição do hoje e do amanhã, não apresse o tempo, aproveite cada experiência que tiver, apenas repare.
 Embora a jornada seja longa, com ladeiras e curvas, ainda assim é super divertida. Não tenha medo de continuar a caminhar só por estar sozinho ou um lugar estranho, continue sempre a caminhar, assim crescerá e conseguirá chegar na cidade de Oz, ou qualquer outro lugar, pois o caminho é seu e nunca deixará de brilhar.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Faça amor nu.

Faça Amor, Não Faça A Barba!

Eu fui à praia sozinho.