Destaque



 Ou eu sou muito ingênuo, ou realmente o povo não tem o que fazer a não ser fazer fofocas e intrigas da vida alheia. Tanta roupa pra lavar, tantos pratos pra secar, tantos paus pra enfiar no teu cú.

 Peguei ar e acho digno de um desabafo. Pelo quê?! Simples fatos de comentários e postagens nas redes sociais. Pra ser mais específico, postagens e a atualizações no Facebook. Já passei por isso umas outras 5 vezes só de uns 3 meses para cá e eu vou acabar ficando fora do mundo virtual por essas coisinhas.

 Ninguém pode mais comentar fotos, curtir publicações ou citar pessoas que já rola uns comentários maldosos. Se você adiciona alguém já está de esquema, se começa a curtir as publicações então... tá pegando na certa. Oi, você já tomou no cu hoje?

 Falta de decoro é o caralho! O povo que se diz meus amigos são os primeiros a invertar coisas sobre mim, depois reclamam que eu não ligo, não apareço... Você que sente a falta da minha presença já se perguntou qual é a merda que você fez ou anda fazendo para que eu não tenha a mínima vontade de falar ou estar com você? Ah, não... eu esqueci que você só lembra de mim quando não há mais outra opção de amizade ou saidinhas, ai, desculpa por isso.

 Queria ser assim como você. Uma pessoa puta, digo culta, com todos os seus valores que são estampados no seu cartão de crédito da C&A. Desculpa mas eu não uso crédito, eu uso dinheiro vivo. Podemos marcar sim para sair, mas por favor não venha querendo passar a noite inteira com o mesmo copo de whisky com redbull, ou querer dividir uma garrafa de um whisky genérico com outras sete pessoas. SE VOCÊ É RYCA PAGA TUDO PORRA! OU PAGA SÓ PELO TEU!

 "Ahhh você conhece fulaninha? Desde quando hein?!
  Desde que você começou a se prostituir de graça, vadia!

 Não sabia que havia essa história de amigos exclusivos. Ninguém nunca me avisou dessa brincadeira que você não pode socializar nas festas e eventos. E que fique claro que eu não quero roubar amigos, amigas, primos, primas, namorados, namoradas, maridos, esposas, nem animais de estimação. Já me chamaram de tudo nessa vida, inclusive de ladrão de amores, seja ele pessoa física, jurídica e animais.

 Quase todos que conheço me dizem que tenho cara de e caráter de pessoa honesta e boazinha, mas é interessante quando há aproximação de terceiros e tudo muda, é quando eu era amigo legal, o cara mais foda da festa e me trasformo em "Pacifista Armado", o cara que pode roubar os sentimentos e atenção de qualquer pessoa assim, num piscar de olhos.

 Enquanto o povo, mundo externo e insignificante, continua a inventar coisas sobre minha pessoa. Continuarei no meu cantinho de sempre, fazendo minhas coisas de sempre, sem alarde ou paêtes, sem gritarias ou bandas de rock. Tendo agora expressão singular aos olhos do virtual. Onde deletarei 90% da minha agenda telefônica, e outros percentuais do povo que me adicionou nas outras dezenas de redes sociais e que nem jogam nada comigo e nem se quer me deram um Oi até hoje.


Nota: Pessoas bizarras me cutucam diariamente!

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Faça amor nu.

Faça Amor, Não Faça A Barba!

Quando bate aquela saudade.