Máscara de carne.


Usar máscara para carnaval, formatura ou festa em geral é muito legal. Mas nunca use a máscara de carne.
Máscara de carne, não, é tão somente a aparência duvidosa da integridade do portador. Pode-se considerar Máscara de carne as várias personalidades e caráter do usuário, suas formas de agir diante de situações adversas. Também podemos sentir sua presença como, falsidade, orgulho e desvantagens do tipo, não precisando ser exatamente a presença de um personagem, mas podemos fazer como emoções próprias. Essa tal máscara não é para mostrar aos outros o que não somos, ou o que queremos ser. De fato isso acontece com freqüência, mas a lógica disso é a projeção que fazemos para não encarar-mos os nossos verdadeiros medos ou falhas.
Diferente do que penso, as pessoas atribuem essas capas ou máscaras como refúgio de um caráter fraco, traumas de infância e processos psicosomáticos, mas acredito que isso sirva mais como uma seta de atenção do que verdadeiramente uma fuga. Claro que cada caso é um caso, mas analisando dois indivíduos que tenho afeto e muito apreço, consigo diferenciar suas máscaras muito rudemente, pessoas diferentes que tem seus fracassos e traumas bem diferentes e com repercussão variada mas estudando-os afundo, seus traços se interligam.
Isso concluo que, embora as máscaras sirvam para aproximar ou distanciar tipos de pessoas, situações e emoções. Ainda é um caso a se pensar se queres dividir espaço na vida dessas pessoas, sendo você o agente transformador é uma aposta válida, pois tem muito que ensinar e aprender. Sabendo que vai ser divertido e penoso ao mesmo tempo. Sendo ele/ela tal agente, é muito divertido se você souber entrar e sair da relação e seguir pisando em ovos. Nós aprendemos mais com pessoas que não sabem o que são ou tem medo de se mostrar verdadeiramente, do que com as pessoas comuns e pequenas que tem coisas que tentam esconder.
Sejamos claros, transparentes e honestos. É mais saudável e feliz.
Finalizando com duas músicas interessantes:

As máscaras vão cair
E tudo que você vestiu
Agora você vai despir

Tire o fone do ouvido
Sinta o som que vem do chão
Sacudindo os sentidos
Vem comigo, atenção!

Deixa a onda te levar
Na pista, na rua, no ar.
Deixa a música dizer
Como você vai dançar

Levanta, sacode, balança, não pode parar
Se lança, se joga na dança, se deixa levar...

Liberte sua mente do que a mentira contou
Vista-se com o novo
Dispa-se da máscara
Venha quem quiser
Seja como for

Diga, quem você é me diga

Me fale sobre a sua estrada

Me conte sobre a sua vida

Tira, a máscara que cobre o seu rosto

Se mostre e eu descubro se eu gosto

Do seu verdadeiro, jeito de ser (2x)

Ninguém merece ser só mais um bonitinho

Nem transparecer, consciente, inconsequente

Sem se preocupar em ser adulto ou criança

O importante é ser você (2x)

Mesmo que seja estranho, seja você

Mesmo que seja bizarro, bizarro, bizarro

Mesmo que seja estranho, seja você

Mesmo que seja...

O meu cabelo não é igual

A sua roupa não é igual

Ao meu tamanho, não é igual

Ao seu caráter, não é igual

Não é igual, não é igual, não é igual

I had enough of it (Eu tive o suficiente)

But I don't care (Mas eu não ligo)

I had enough of it (Eu tive o suficiente)

But I don't care (Mas eu não ligo)

Diga quem você é, me diga

Me fale sobre a sua estrada

Me conte sobre a sua vida

E o importante é ser você

Mesmo que seja estranho, seja você

Mesmo que seja bizarro, bizarro, bizarro

Mesmo que seja estranho, seja você

Mesmo que seja bizarro, bizarro, bizarro

Mesmo que seja estranho, seja você

Mesmo que seja bizarro, bizarro, bizarro

Mesmo que seja estranho, seja você

Comentários

  1. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  2. Muito bom o blog, com conteúdo exclusivo, vale a pena ler as aventuras de Fireman. Esse kra é loukoo!!! kkk brinks.^^

    ResponderExcluir
  3. "... e as máscaras são divertidas, são para sermos outro, nem que seja por um minuto ou um dia, caminhar em outra via, mas lembre-se sempre do caminho de volta, para esta máscara não ser a sua última..."
    ah, e pitty no final foi um bonus track pelo festival de inverno?? hehehe!!

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Faça amor nu.

Faça Amor, Não Faça A Barba!

Eu fui à praia sozinho.